Sintomas não-motores do Parkinson


A doença de Parkinson é uma condição que afeta o sistema nervoso e as estruturas para o movimento. Por esta razão, a maioria dos sintomas são visíveis, tais como o tremor e a rigidez. Entretanto, os médicos estão reconhecendo cada vez mais a presença e efeitos de outros sintomas, chamados “sintomas não-motores” ou “dopamina não-responsivos”. Estes sintomas são comuns e podem ter um grande impacto sobre os pacientes.


Embora o Parkinson seja definido como um distúrbio do movimento, ele também está associado a uma ampla gama de sintomas comportamentais, neuropsiquiátricos e físicos que podem afetar a qualidade de vida. Estes podem ocorrer em qualquer ponto, mesmo antes que os sintomas motores sejam reconhecidos.

Muitos desses sintomas não são vísiveis para os acompanhantes e/ou cuidadores, e podem incluir:

  1. Comprometimento cognitivo – declínio na capacidade de multitarefa e /ou concentração, e declínio no funcionamento intelectual;

  2. Transtornos de humor – depressão, ansiedade e irritabilidade;

  3. Distúrbios do sono – insônia, sonambulismo;

  4. Pressão arterial baixa;

  5. Constipação;

  6. Problemas de fala, deglutição e salivação;

  7. Dores inexplicáveis – normalmente associados com causas traumáticas;

  8. Perda de ofalto;

  9. Alucinações.

Para cada um desses sintomas existem diferentes formas de diagnóstico, de tratamento e de progressão. Cada pessoa experimenta um sintoma diferente, em uma intensidade diferente. Algumas pessoas acham útil discutir suas experiências com os outros, e podem encontrar semelhanças ou não; e isso não deve ser motivo de preocupação.

Muitas pessoas têm encontrado alívio nas terapias alternativas, que ajudam a relaxar, reduzir o estresse e a depressão. Mas, se você estiver experimentando algum desses sintomas, é importante compartilhar com o seu médico. Ao estudar o seu caso, ele poderá indicar a melhor forma de melhorar sua qualidade de vida.

Saiba mais sobre as terapias alternativas aqui e sobre o sintomas motores do Parkinson aqui.

Fonte: https://www.michaeljfox.org http://www.parkinson.org/understanding-parkinsons/non-motor-symptoms http://epda.eu.com/about-parkinson-s/symptoms/non-motor-symptoms/

2 views